x

Concessionárias de energia apontam tecnologia RF Mesh para modernização de rede para distribuição de futura geração, revela pesquisa em cinco continentes

A pesquisa destaca as cinco principais tendências para modernização de redes de comunicação de distribuidoras de energia

São Paulo, SP (DINO) 19/10/2017
As concessionárias de energia irão se apoiar em redes com comunicação por RF Mesh como tecnologia chave de comunicação, de acordo com nova pesquisa encomendada pela Silver Spring Networks, uma das empresas líderes mundiais em plataforma e soluções para redes e cidades inteligentes, Inc. e conduzida pela Zpryme, empresa norte-americana especializada em pesquisa em energia. A pesquisa mediu as prioridades de rede de comunicação de energia para otimização da próxima geração de rede, segundo 350 distribuidoras ao redor do mundo. As distribuidoras pesquisadas observaram que as redes por RF Mesh oferecem flexibilidade para adaptar-se às necessidades dinâmicas da rede de eletricidade e podem ajudar a manter a compatibilidade para necessidades futuras.

A pesquisa também destacou as cinco principais tendências entre as distribuidoras pesquisadas:

1. As distribuidoras reconhecem que suas redes de comunicação devem mudar para tornar possível a próxima geração de rede de distribuição. Somente 6% se consideram extremamente prontas com suas redes atuais de comunicação para suportar as mudanças previstas para as redes nos próximos 5 anos.
2. Fibra ótica e RF Mesh lideram o futuro das redes de comunicação em camadas. 74% utilizarão fibra ótica e 65% optarão por RF Mesh na próxima década.
3. As distribuidoras utilizarão RF Mesh para vários usos de redes de campo. Os principais casos de usos incluem automação da distribuição, detecção de falhas e AMI.
4. Independente da tecnologia utilizada ou da necessidade, a confiabilidade do sistema continua como a principal prioridade para redes de comunicação. 91% afirmaram que confiabilidade é a principal prioridade para redes de comunicação, seguida por custo (78%).
1. A segurança cibernética é a principal preocupação do legado das redes de comunicação. 56% classificaram a segurança cibernética como um dos 3 pontos mais sensíveis para sua distribuidora.

As distribuidoras estão sob grande pressão para atualizar seu modelo de negócios e serviços para incorporar mais fontes renováveis, para recuperar mais rapidamente o do serviço depois de eventos climáticos e atender as mais expectativas mais altas dos consumidores. Os resultados desta pesquisa demonstram que as distribuidoras estão cientes destes desafios e conscientes das etapas necessárias para vencerem estes desafios e pressões.

“Estes resultados nos mostram que as distribuidoras estão olhando à frente para proativamente se preparem para as futuras necessidades – incluindo conectar automação da distribuição, energia renovável, e ativos de rede inteligente e cidade inteligente – para a melhoria e confiabilidade do serviço prestado”, afirmou Matt Smith, Diretor Sênior de Gestão de Rede da Silver Spring Networks. “As distribuidoras que estão adotando tecnologia de plataformas de rede baseada em padrões, segura, confiável e escalável, como as soluções oferecidas pela Silver Spring Networks, podem otimizar suas redes de energia para atender necessidades futuras e demandas de escalabilidade”.


“O cenário de redes de comunicação está evoluindo drasticamente à medida que as distribuidoras têm como meta a melhoria e a sustentabilidade do serviço”, afirmou H. Christine Richards, Vice Presidente de Pesquisa da Zpryme. “Esta pesquisa destaca o quê as distribuidoras priorizam quando olhar para a future geração de rede de distribuição e como estas prioridades podem evoluir”.

A Silver Spring tem mais de 26.7 milhões de dispositivos entregues nos cinco continentes. A Silver Spring trabalha com algumas das principais distribuidoras de energia do mundo em programas de gestão de rede, incluindo Baltimore Gas and Electric, ComEd, CPFL Energia, CPS Energy, Florida Power & Light Company (FPL), Pacific Gas & Electric, Pepco Holdings Inc., Sacramento Municipal Utility District e WEL Networks. A Silver Spring também implantou sistemas de Cidades Inteligentes em Copenhagen, Glasgow, Paris, Providence, e Estocolmo, entre outras. Para mais informação, acesse www.ssni.com.

Para mais informação sobre os resultados da pesquisa, baixe o documente: www.ssni.com/moderngrid (original em Inglês)
Informações de contato

Sergio Poroger

Email

SPMJ Comunicações

3289-2699